28 de outubro de 2020

Qual a idade ideal para batizar as crianças?

Com o Batismo, as crianças crescerão com a força do Espírito Santo. Então, por que prorrogar essa graça?

web3-baby-baptism-baptismal-font-priest-hands-baptismal-gown-shutterstockUma dúvida que vira e mexe surge entre pais católicos é: qual a idade ideal para batizar as crianças? Há também o desdobramento desta questão, ou seja: devemos apresentá-las ao primeiro sacramento quando ainda são bebês ou esperar que elas cresçam um pouquinho?

Primeiramente, precisamos entender que a Igreja recomenda que quanto antes a criança receber o sacramento do Batismo melhor. O motivo? Simples: o primeiro sacramento é necessário para a salvação, para nos livrar do pecado. Então, por que prorrogar essa graça?

Mas existe uma idade ideal para batizar as crianças?

A resposta é: não, a Igreja Católica, a rigor, não estabelece uma idade para os batizandos. No entanto, muitos pais optam por batizar seus filhos antes que eles completem um ano de idade. Assim, estão em sintonia com a sugestão da Igreja de batizá-los o quanto antes. Só optam, no entanto, por deixar os bebês crescerem um pouco mais para garantir que eles vão se “comportar” melhor na igreja. Por outro lado, alguns padres recomendam não esperar mais do que um ano, pois quando as crianças começam a andar, elas não param durante a cerimônia.

Em certa ocasião, o Papa Francisco afirmou aos pais que levaram seus filhos para serem batizados:

“O Espírito Santo os defenderá, os ajudará durante toda a vida. Por isso é tão importante batizá-los desde crianças, para que cresçam com a força do Espírito Santo. Cuidem para que eles cresçam com a luz, com a força do Espírito Santo, por meio da catequese, da ajuda, do ensinamento, dos exemplos que vocês darão em casa.”

Crianças mais velhas

Há pais que, por um motivo ou outro, deixam para batizar os filhos quando eles são mais velhos, com sete ou oito anos, por exemplo. Neste caso, é preciso prestar atenção a um detalhe: com essa idade, a criança já deve estar fazendo a catequese. Assim, ela receberá as instruções sobre o sacramento que irá receber.

Em um podcast veiculado no site A12, o Pe. Fernando Sampaio falou sobre esse assunto:

“É muito importante que seu filho nessa idade compreenda que o Batismo não é algo mágico para o sentido de quem recebeu, recebeu e acabou. É preciso que ele e sua família entendam que o Batismo nos coloca na comunidade de fé e nos compromete com o Reino de Deus e com o Evangelho”.

Portanto, é bom lembrar: pessoas de quaisquer idade podem ser batizadas na Igreja Católica. Entretanto, quanto antes receber as graças do Espírito Santo, melhor.

Fonte: Aleteia

clear