17 de abril de 2017

Papa Francisco recordará os mártires dos 2 últimos séculos em celebração especial

Celebração será no dia 22 de abril, na Basílica de São Bartolomeu, em Roma

Francisco_JoaquinPeiroPerezACIPrensa_181116

Por Miguel Pérez Pichel / ACI Digital

No dia 22 de abril, o Papa Francisco celebrará na Basílica de São Bartolomeu, em Roma, a Liturgia da Palavra em memória dos “novos mártires” dos séculos XX e XXI.

A celebração acontecerá às 17h, hora de Roma, junto com a Comunidade de Santo Egídio. Haverá um momento de oração pelas vítimas das perseguições contra os cristãos nos diferentes lugares do mundo.

A Basílica de São Bartolomeu, localizada na ilha Tiberina, em meio do rio Tibre, onde está a tumba do Apóstolo São Bartolomeu, tem um significado especial na conservação da memória dos mártires.

O Papa São João Paulo II, depois do Jubileu do ano 2000, quis que a Basílica de São Bartolomeu fosse o lugar de memória daqueles fiéis que deram suas vidas pela fé. Em outubro de 2002, foi celebrada uma Missa ecumênica pelos mártires e encomendaram este templo à custódia de um ícone dos mártires.

A Comunidade de Santo Egídio nasceu em Roma em 1968, depois do Concílio Vaticano II. Seu carisma é centrado na comunicação do evangelho e na caridade. Realizam seu trabalho principal em Roma, mas estão presentes em diferentes cidades da Itália e em vários países.

A oração, a comunicação do Evangelho, a solidariedade com os pobres, o diálogo e o ecumenismo são os pilares da sua obra evangelizadora.

clear