9 de janeiro de 2020

Papa Francisco recebe frei Peter Tabichi, o melhor professor do mundo

O religioso franciscano tem como objetivo promover a ciência não só no Quênia, mas em toda África, assim como melhorar as expectativas de futuro de seus alunos

PapaFrancisco_PeterTabichi_TUIT_8012020Por ACI Digital

O Papa Francisco saudou na Casa Santa Peter o frei Peter Tabichi, irmão franciscano e professor de ciências, conhecido como “o melhor professor do mundo”, depois de ser premiado com o Nobel de Educação (Global Teacher Prize) 2019, por seu significativo trabalho educativo em uma das zonas de extrema pobreza no Quênia.

Segundo indicou o religioso em sua conta de Twitter, no encontro, “fui inspirado pela grande humildade do Papa”.

Além disso, o irmão Tabichi assinalou que, após a solicitação do Santo Padre, “reze por mim, irmão”, o franciscano lhe pediu: “Reze por nós e por todos os professores”.

Ao receber o Nobel de Educação em março de 2019, o irmão franciscano disse que o milhão de dólares que o prêmio inclui seria utilizado para beneficiar a comunidade em matéria educativa.

“Vou devolver este prêmio à sociedade, porque sou um religioso. Nossas necessidades estão atendidas: alimento, roupa, tudo. Então, me fará muito feliz a maneira como este grande momento vai beneficiar a sociedade”, refletiu o irmão Tabichi.

O religioso franciscano tem como objetivo promover a ciência não só no Quênia, mas em toda África, assim como melhorar as expectativas de futuro de seus alunos. “Como professor, busco ter um impacto positivo não apenas em meu país, mas dentro de toda a África”, assegurou.

Posteriormente, este religioso franciscano que foi reconhecido como “o melhor professor do mundo” abriu a sessão do Congresso dos Estados Unidos, em 17 de setembro de 2019, com a oração franciscana pela paz.

O Global Teacher Prize é uma iniciativa da Fundação Varkey para ressaltar a importância dos educadores em todo o mundo, a fim de reconhecer seus esforços.

clear