11 de novembro de 2020

Papa Francisco abençoa imagem da Virgem da Medalha Milagrosa

Entre os dias 18 e 19 de julho de 1830, Catarina Labouré, uma jovem Filha da Caridade de São Vicente de Paulo, viu uma aparição da Virgem

PapaFrancisco_VirgenMedallaMilagrosa_11nov2020_VaticanMedia

O Papa Francisco abençoa a imagem da Virgem. Foto: Vatican Media

O Papa Francisco abençoou uma imagem da Virgem Maria da Medalha Milagrosa no Vaticano por ocasião do 190º aniversário da aparição de Nossa Senhora a Santa Catarina Labouré.

Na cerimônia privada esteve o superior geral da Congregação da Missão, Pe. Tomaz Mavric, junto com uma pequena delegação que organiza uma peregrinação da imagem que terá início em dezembro próximo e percorrerá todas as regiões da Itália durante um ano.

A família vicentina explica que “nesta difícil situação vivida em todo o mundo por causa da pandemia da COVID-19, em uma sociedade fortemente afetada pelas tensões entre continentes, os filhos espirituais de São Vicente de Paulo começam com uma peregrinação mariana um percurso de anúncio do amor misericordioso de Deus”.

Na noite entre 18 e 19 de julho de 1830, Catarina Labouré, uma jovem Filha da Caridade de São Vicente de Paulo, viu uma aparição da Virgem.

No longo encontro que teve com Nossa Senhora, esta recordou à Filha da Caridade que “os tempos são muito tristes. As desgraças virão sobre a França. O mundo inteiro será devastado por calamidades de todos os tipos. Mas você vem ao pé deste altar, aqui as graças se espalharão sobre todas as pessoas que as pedirem com confiança e fervor… Eu sempre cuidei de você”.

Em 27 de novembro de 1830, Catarina Labouré viu a Santíssima Virgem pela segunda vez com um pequeno globo terrestre, que representava a humanidade, em suas mãos; contemplou sua beleza e aceitou a missão de mandar cunhar uma medalha: “As pessoas que a usarem receberão grandes graças!”.

Publicado originalmente em ACI Prensa. Traduzido e adaptado por Nathália Queiroz.

clear