21 de maio de 2018

No dia de Pentecostes, jovens e adultos recebem o sacramento da Crisma

A Crisma, ou Confirmação, confere os dons do espírito santo conduzindo o fiel católico ao caminho da perfeição cristã

DSC_0950 (Copy)Por Emilton Rocha / Pascom

O domingo de Pentecostes foi especial para 20 jovens e adultos, que receberam em celebração solene no Santuário Basílica de São Sebastião Frades Capuchinhos o sacramento da Crisma. A missa foi presidida pelo bispo auxiliar da Arquidiocese de Rio de Janeiro, Dom Luiz Henrique da Silva Brito e concelebrada pelo reitor Frei Arles Dias de Jesus.

O sacramento da Crisma ou Confirmação, confere os dons do espírito santo conduzindo o fiel católico ao caminho da perfeição cristã. Representa como que a passagem da infância para a fase adulta, espiritualmente falando.

O Catecismo da Igreja Católica ensina que a Crisma pertence, juntamente com o batismo e a Eucaristia, aos três sacramentos da iniciação cristã da Igreja Católica. Nesse sacramento, tal como ocorreu no Pentecostes, o Paráclito [aquele que consola ou conforta; aquele que encoraja e reanima; aquele que revive; aquele que intercede em nosso favor] desceu sobre a comunidade dos discípulos então reunida. Assim como neles, o Espírito Santo também desce em cada batizado que pede à Igreja esse dom – Espírito Santo. Dessa forma, o sacramento encoraja o fiel e o fortalece para uma vida de testemunho de amor a Cristo.

Três etapas são necessárias à administração da Crisma: a imposição das mãos sobre a cabeça do crismando; a unção com o óleo na fronte; as palavras do Bispo: “Recebe por este sinal o Espírito Santo, Dom de Deus”, ao que o crismando responde: “Amém”

Durante a celebração, o grupo de crismandos mostrou-se disposto a seguir a Cristo, ao acender as velas no Círio Pascal. Em seguida, cada um recebeu a unção do óleo que representa o Espírito Santo acompanhados de seus padrinhos.

Os crismandos se prepararam para esse momento em encontros realizados durante um ano, ministrados pelo coordenador da Pastoral da Crisma, Frei Reginaldo Ferreira e pelo catequista Nilson Perissé.

GALERIA DE FOTOS

Para ampliar, clique duas vezes em cada miniatura.

clear