3 de setembro de 2018

Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré é recebida com festa na Basílica

Frei Arles anuncia que este ano a festa do Círio em outubro será maior do que a do ano passado

esta site

Na hora do ofertório, Dom Orani cumprimenta a nova presidente a Associação de Nossa Senhora de Nazaré na Basílica, Olivia Medeiros. (Foto: Angela Zolhof)

Emilton Rocha / Pascom

Cariocas e paraenses que moram no Rio de Janeiro (RJ) foram ao Santuário Basílica de São Sebastião dos Frades Capuchinhos, na Tijuca, na manhã deste domingo, 2, para receber a visita da imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré que esteve visitando a cidade no período de 31 de agosto a 2 de setembro.

A imagem chegou de Belém na manhã da última sexta-feira, na Base Aérea do Aeroporto do Galeão, recebendo honras militares e seguindo para cumprir extensa programação, que incluía paróquias, capelas, instituições, centros culturais e diversas comunidades. A programação faz parte do Círio de Nazaré no Rio, que em 2018 completa 10 anos. A comitiva que a trouxe é formada por membros da Diretoria da Festa de Nazaré e da Guarda de Nazaré.

Na sua chegada à Basílica por volta das 11h45 de domingo, a imagem foi recebida pelo reitor Frei Arles Dias de Jesus e por uma multidão que a aguardava na igreja onde foi celebrada Missa Solene presidida pelo Cardeal Orani Tempesta, que apresentou o cartaz da festa do Círio de Nazaré deste ano – de 11 a 14 de outubro –, e que tem como tema “Com Maria Superamos a Violência contra a mulher”.

IMG_0182 (Copy)

Cariocas e paraenses participaram da Missa Solene da Padroeira da Amazônia. (Foto: Emilton Rocha)

Para o padre Aldo de Souto Santos, vigário episcopal do Vicariato Norte, é uma alegria acolher a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré no Vicariato Norte, sobretudo quando se celebra em 2018 o ano do Laicato, com o tema “Vós sois o sal da terra e luz do mundo”. “Maria revela que nós devemos ser essa luz do mundo e também o sal da terra”. Maria é para nós um grande referencial como alguém que se colocou como serva Senhor”, disse. Segundo o sacerdote, o grande crescimento da festa do Círio de Nazaré no Rio de Janeiro, em outubro, se deve ao fato desse carinho que as pessoas têm por aquela que não quis de maneira nenhuma ocupar o lugar de Nosso Senhor Jesus Cristo. “A humildade e a simplicidade são coisas que fascinam, que encantam, que seduzem… então nós cristãos somos seduzidos por esse exemplo de Maria, exemplo de alguém que não quis ser maior do que o seu Deus, que nunca quis ser deusa e que se tornou a nossa mãe” – acentuou.

De acordo com Frei Arles de Jesus, as visitas anuais da imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré representam o fortalecimento da nossa fé, principalmente neste ano que acontece a décima edição do Círio, “uma festa para o povo carioca, essa alegria que o Cardeal Orani traz para nós celebrarmos nesses dez anos”, destaca. Com relação ao crescimento da festa do Círio de Nazaré na cidade, o reitor observa que a cada ano o carioca vai entendendo mais o simbolismo da festa e a linguagem do povo paraense. “O povo vai chegando com a gente nessa festividade”, assinala. “Tanto é que este ano será realizada uma festa muito maior em comparação à festa do ano passado, com show mariano que irá acontecer na véspera da festa do Círio, no sábado 13, entre outros acontecimentos”, anuncia.

A festa do Círio de Nazaré será realizada de 11 a 14 de outubro.

Viva Nossa Senhora de Nazaré!

IMG_0172 (Copy)

A imagem peregrina esteve por 3 dias no Rio, em visita a diversas localidades como faz anualmente. (Foto: Emilton Rocha)

Manoel Antonio Tavares / MESC

É com muita alegria que recebemos a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré.

Durante três dias, os cariocas e os paraenses que moram no Rio de Janeiro puderam acompanhar a visita da imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré. A imagem chegou à nossa Basílica, depois de ter visitado várias paróquias, capelas, instituições, centros culturais e comunidades. O Círio de Nazaré, que ocorre tradicionalmente no segundo domingo de outubro, em Belém do Pará, é considerado mundialmente uma das maiores manifestações populares em honra à Mãe de Deus.

Esta é a décima edição da visita da imagem de Nossa Senhora de Nazaré aqui na cidade. Essa homenagem foi trazida ao Rio de janeiro pelo Cardeal Orani João Tempesta, que entre os anos de 2004 a 2008 foi Arcebispo de Belém do Pará.

O Círio, para homenagear a Padroeira dos paraenses, este ano de 2018, trará como tema: “Uma jovem chamada Maria”.

Em todos os lugares encontramos pessoas de Belém do Pará e aqui na Tijuca não é diferente. Se não elas, os pais, avós ou alguém da família vive uma firme devoção à Virgem de Nazaré. Nossa Senhora é a mãe da igreja, é a nossa mãe querida. Mãe que está sempre próxima aos filhos, que cuida, que ama, que zela, que protege. Viva Nossa Senhora de Nazaré!

GALERIA DE FOTOS

Fotos: Angela Zolhof / Emilton Rocha

Para ampliar, clique duas vezes na miniatura

clear